terça-feira, 8 de março de 2016

Origem do Dia Internacional da Mulher

Boa noite povo lindo do blog Jornal Literatura e Cia, hoje venho falar sobre o dia da mulher, vou postar aqui a origem desse dia, e também dizer que de hoje até domingo vou postar um poema dedicado a nós mulheres, vamos lá?



Origem do Dia Internacional da Mulher

O dia 8 de Março é, desde 1975, comemorado pelas Nações Unidas como Dia Internacional da Mulher
Neste dia, do ano de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve ocupando a fábrica, para reivindicarem a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias, que recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde, entretanto, se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas.
Em 1903, profissionais liberais norte-americanas criaram a Women's Trade Union League. Esta associação tinha como principal objetivo ajudar todas as trabalhadoras a exigirem melhores condições de trabalho.
Em 1908, mais de 14 mil mulheres marcharam nas ruas de Nova Iorque: reivindicaram o mesmo que as operárias no ano de 1857, bem como o direito de voto. Caminhavam com o slogan "Pão e Rosas", em que o pão simbolizava a estabilidade econômica e as rosas uma melhor qualidade de vida.
Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher".


Para você

Bem aventurada a mulher que cuida do próprio perfil
interior e exterior, porque a harmonia da pessoa
faz mais bela a convivência humana.

Bem aventurada a mulher que, ao lado do homem,
exercita a própria insubstituível responsabilidade
na família, na sociedade, na história e no universo inteiro.

Bem aventurada a mulher chamada a transmitir e
a guardar a vida de maneira humilde e grande.

Bem aventurada quando nela e ao
redor dela acolhe faz crescer e protege a vida.

Bem aventurada a mulher que põe a inteligência,
a sensibilidade e a cultura a serviço dela, onde
ela venha a ser diminuída ou deturpada.

Bem aventurada a mulher que se empenha em
promover um mundo mais justo e mais humano.

Bem aventurada a mulher que, em seu caminho,
encontra Cristo: escuta-O, acolhe-O, segue-O, como tantas
mulheres do evangelho, e se deixa iluminar por Ele na opção de vida.

Bem aventurada a mulher que, dia após dia, com
pequenos gestos, com palavras e atenções que nascem do
coração, traça sendas de esperança para a humanidade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário