terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Resenha Ailla & Luferino

Ola o blog Jornal Literatura e Cia esta trazendo nesse momento a resenha do livro Ailla e Luferino, li esse livro em pdf, não curto arquivo em pdf por causa da minha visão, mais o autor abriu parceria um tempo atras resolvi encarar, não é tão ruim ler pelo celular até por que as folhas são amarelas e isso me ajudou a ler esse livro show de bola.



Titulo Ailla e o Luferino
Autores Rafaela Souza, Cinthia Silva, Airton Júnior 
Edição independente
Paginas 180
Edição 1
Ano 2014


Sinopse

Quando Ailla, uma garota de 14 anos, descobre sua origem nada convencional seu mundo vira de cabeça para baixo. Uma missão lhe é entregue e de seu sucesso depende todo o universo, todos os mundos, inclusive o nosso. Ao lado de Natasha, sua melhor amiga, do jovem e misterioso empresário Weyne Wizzard e de Ven Hailer, seu fiel e inusitado protetor, ela embarca numa jornada de autoaceitação que pode custar a menina de longos cabelos ruivos, muito mais caro do que ela imagina. Esse é o livro de Estréia da série Ailla e o Luferino, uma obra inteligente criada para surpreender os leitores, levando-os a um universo inovador cheio de magia e suspense, feito para contagiar crianças, adolescentes e adultos! 

Resenha 

E ai gente linda, tudo bem com vocês?Vou falar um pouco do livro que de inicio é tão gostoso é um gênero que me chama muito atenção, me sentir confortável e tranquila a criatividades dos autores foram excepcional.Mexe muito com a imaginação da criançada alias não só das crianças como dos adultos que nunca deixaram de ser criança kkkkkk é verdade quem leu vão concordar comigo.



O livro conta a história de Ailla, uma adolescente de treze anos, que é muito distraída com suas coisas, ela tem desde criança um bonequinho de pano que ela chamava de ‘’Duas Cores’’ela mesma sendo uma adolescente não se desfez desse bonequinho. A frase que citarei abaixo tem tudo haver comigo.


’Vida... Quando você  menos espera tudo muda.Até você muda.’’

Esse bonequinho de pano o ‘’Duas cores’’ é cheio de mistérios, Ailla começa a perceber que sua vida toma outro rumo quando esse bonequinho que ela nunca se desapegou começa a sumir. Ela resolve contar a sua melhor amiga o por que dela ter muda ficado estranha ultimamente, e sua amiga é claro não acredito pois acha que é invenção de Ailla Natasha é sua amiga inseparável é como se fosse uma irmã,’’Companheiras de aventuras.

"As duas sorriem e dessa vez o sorriso de Ailla era de alívio, se tinha alguém que pudesse entendê-la, essa pessoa era Natasha. Era verdade, o que aquelas duas já haviam passado juntas, talvez nem duas irmãs tivessem passado...”

Vou destacar o tipo de escrita dos autores que foi muito bem fluida e suave, os autores brincaram com a nossa imaginação isso é tão bom. Teve uma frase que também mexe comigo por esta vivendo um momento de frustrações cheia de perguntas sem respostas.

‘’Quando você pensa que tem todas as respostas, vem à vida e muda todas as perguntas’’.

Rola muitos mistérios na vida de Ailla com Duas cores seu bonequinho de pano. Ailla tem uma missão e ao lado de seus amigos ela busca suas origens, vê a morte de perto e busca forças para lutar contra o mal... 
O que dizer da leitura que apesar de não curti muito em ler livros pelo celular e computador, eu amei li em poucos dias e quando chego no final à vontade de continuar lendo foi muita, não tem enrolação e isso foi muito ponto positivo, estou  já estou doida para ler a continuação.
O livro Ailla e o Luferino já está disponível em e-book no site da Amazon! Não percam! Corre lá!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário